Pimentel derrotado com baixa votação culpa Eva Gouveia mas ela diz que o Vereador campinense não tem potencialidade política

Colunistas

  • Marcos Marinho
    NÚMEROS DA ELEIÇÃO
  • Amaro Pinto
    MARCA DA BURRICE
  • Júnior Gurgel
    ROMERO, A ÚLTIMA TRINCHEIRA
  • Vanderley de Brito
    O milho e as festas juninas

Enquete

Galeria de Fotos

  • Troféu Gonzagão 2018

  • Pessoas que contribuíram para fazer de Campina Grande esse polo de desenvolvimento que orgulha o Brasil

  • Inauguração do Museu Digital de Campina Grande

Entrevistas

Marina Silva: "Graças a Deus, o Estado é laico"

Ao participar do programa de entrevistas do pastor Caio Fábio segunda-feira (06) a candidata à Presidência da República nas eleições 2018 pela Rede, Marina Silva, reafirmou suas convicções como evangélica e defendeu o Estado laico. Ao final da conversa, após as palavras de apoio de pastores, ela disse emocionada que espera não envergonhá-los.

“Só posso agradecer e pedir a Deus que não sejam envergonhados por minha causa aqueles que confiam em Deus”, disse a candidata. O pastor respondeu que "não tem esse risco". A entrevista, no Programa Papo de Graça, não constava em sua agenda oficial, mas foi divulgada pelo Facebook. Procurada, sua assessoria disse que foi um equívoco de agenda, mas pretende corrigir.

A frase de Marina foi em resposta a um vídeo passado durante o programa do pastor Ed René declarando ser seu eleitor. Em seguida, em oração, Caio Fábio disse que há grande chance de elegerem “uma oliveira, uma macieira” ao invés de um “espinheiro”. O pastor declara apoio à candidata desde 2014.

Em determinado momento da entrevista, que durou mais de uma hora, Marina foi questionada pelo Pastor Neil Barreto sobre como ela pretende conciliar sua fé com a Presidência. Marina disse que “graças a Deus, o Estado é laico”.

“Estado laico não é Estado ateu, como ele mesmo disse (pastor Neil). Estado laico, que assegure direitos das...

>>>> Continue lendo