Moro alfineta Bolsonaro e Lula: "Coronavírus não é piada, nem positivo"

21/05/2020
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ex-ministro Sergio Moro não hesitou em alfinetar seus dois desafetos políticos nesta quarta-feira (20).

Sem citar nomes, o ex-juiz federal reagiu às declarações do presidente Jair Bolsonaro e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“O coronavírus não é piada, nem é algo positivo.

Cuide-se! O número de mortes passou de mil por dia e continua subindo.

Solidariedade às famílias”, escreveu, em seu perfil no Instagram.

Imagem: Reprodução/ Instagram

Moro se referia ao que aconteceu na última terça-feira (19), dia em que o Brasil atingiu a marca de 1.179 mortos por coronavírus em 24 horas. No mesmo dia, o presidente Jair Bolsonaro fez piada com o novo protocolo para a cloroquina autorizado pelo Ministério da Saúde.

O chefe do Executivo federal chegou a dizer que “quem é de direita usa cloroquina; quem é de esquerda, tubaína”. A frase foi dita aos risos, durante live semanal.

Já Lula, também no mesmo dia, disse que “ainda bem” que a natureza criou o novo coronavírus. Segundo ele, “esse monstro” tem permitido que as pessoas vejam que apenas o Estado é capaz de solucionar determinadas crises.

Nesta quarta (20), o ex-presidente pediu desculpas a quem “ficou ofendido”.

Fonte: bahia.ba




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias