Apagão raro zera computadores da PMCG, que pede 30 dias a órgãos de controle para recuperar sistemas

14/03/2018

Todos os dados oficiais da Prefeitura Municipal de Campina Grande (portais, e-mails, sites), à exceção daqueles que geram a folha de pessoal, os editais e resultados de licitações, empenhos e outros ligados à contabilidade financeira do Município, estão fora do ar por conta de um grave problema técnico no data center da AMAZON (AWS),empresa cuida do serviço.

Hoje, em nota à imprensa, a Coordenadoria de Comunicação do Município (CODECOM), baseada em informes da Alfa Consultoria Ltda., outra empresa envolvida no serviço, informa que o problema foi detectado a partir das oito horas do dia 09 (sexta-feira) e que o foco agora é a reconstrução dos arquivos “com rapidez e qualidade”.

Explica a nota que a Amazon-AWS (considerada a maior e mais segura empresa de hospedagem e gerenciamento de arquivos digitais do mundo) é o fornecedor para armazenagem e hospedagem de todos os portais, e-mails e arquivos relativos à transparência pública.

A empresa iniciou um procedimento de recuperação do disco que durou das 8h da sexta-feira até às 18h deste sábado. O disco do HD, além de todos os backups das instâncias dos dias anteriores de forma extremamente rara foram corrompidos ocasionando momentaneamente a perda do conteúdo. “Esse fato é tão raro que dos milhões de clientes da Amazon no mundo fomos informados que apenas a Alfa teve esse problema neste ano”, explica a CODECOM..

A boa notícia, segundo a nota, é que estará sendo contratada imediatamente uma empresa para a recuperação dos arquivos corrompidos, em São Paulo, com objetivo de tentar se conseguir de volta o que foi perdido. Dessa forma, espera-se que os e-mails e conteúdo dos sites inseridos até a sexta-feira estejam nesse processo de recuperação.

Além disso, os dados relativos aos sistemas de contabilidade (receitas, despesas e empenhos), folha e licitação, que são de outras empresas, estão preservados e serão disponibilizados o mais rápido possível em uma página provisória que será desenvolvida para atender as principais exigências dos órgãos de controle (TCE, CGU e MPF) enquanto os novos portais estarão sendo produzidos. Os e-mails institucionais estão também funcionando normalmente, entretanto as caixas de entrada e saída estão zeradas, pois o conteúdo está junto do banco de dados que será recuperado, após isso, todo conteúdo será reintegrado nos e-mails.

A CODECOM tranquiliza os usuários e avisa que a PMCG estará protocolando ofícios, junto aos referidos órgãos, para que seja concedida uma carência de 30 dias nas avaliações com o objetivo de reestabelecer a normalidade.

“Estamos profundamente impactados com o grave problema que nos atingiu. Fomos tristemente sorteados pelo destino com um fato raríssimo de acontecer. O momento agora é de reconstrução e de parceria mutua entre a Alfa e seus clientes com o objetivo de continuar como sempre estivemos ao lado das mais de 100 prefeituras, autarquias e câmaras de vereador auxiliando-os a cumprirem o dever de serem os órgãos mais transparentes de seus Estados”, desculpa-se a empresa fornecedora.

Fonte: Da Redação




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Outras Notícias