EXCLUSIVO - As 50 pessoas que em todos os tempos mais contribuíram para fazer de Campina Grande esse polo de desenvolvimento que orgulha o Brasil

31/10/2017
"MONUMENTO AOS PIONEIROS"
"MONUMENTO AOS PIONEIROS"

Seis mulheres e 44 homens compõem a “LISTA DOS 50”, documento coordenado pelo portal APALAVRA reunindo as 50 pessoas que, em todos os tempos e áreas, contribuíram de forma exponencial para o crescimento de Campina Grande, Município que neste último dia 11 de outubro comemorou 153 anos de emancipação política e se insere como um dos mais importantes do Brasil.

Pelo menos seis dos homenageados ainda são vivos e de forma plena continuam a trabalhar por Campina Grande, em seus respectivos setores de atividade, orgulhando gerações.

A escolha dos nomes obedeceu a uma democrática e criteriosa seleção, com ajuda do Instituto Histórico de Campina Grande (IHCG), através da presidente Ida Steinmuller, e mais nove filhos da terra profundamente identificados com seu povo e a realidade local – Amaro Pinto, Felix Araújo Filho, José Anchieta Bernardino, Marcos Marinho, Lenildo Ferreira, João Dantas, José Edmilson Rodrigues, Paulo Roberto Florêncio e Júnior Gurgel.

O objetivo do projeto é instrumentalizar a memória local de modo a que as novas e futuras gerações conheçam esses abnegados “tropeiros”, verdadeiros desbravadores do seu progresso, sem os quais certamente Campina Grande não estaria hoje elevada a tão altos e importantes píncaros – na política, economia, artes, cultura, tecnologia, religião, turismo, saúde, educação, etc.

Em princípio, a ideia era fechar o rol com apenas 12 nomes. Mas, à medida em que os convidados foram fechando as suas indicações verificou-se que algumas injustiças necessariamente seriam cometidas, de modo que a direção do portal optou por elastecer a lista, ampliando-a para 50, o que sem dúvidas a tornou mais fiel à história e essencialmente democrática.

Agora, o passo seguinte é a coleta de dados biográficos e fotografias dos listados, compilando-os em um livro que será ofertado às escolas da cidade, para a mais ampla divulgação possível, em especial com os jovens.

Nos próximos dois meses (novembro e dezembro) uma série de reportagens n’APALAVRA mostrará o perfil de cada um dos escolhidos e a importância dos mesmos, além de entrevistas com os que ainda se encontram em atividade.

PROCESSO DE ESCOLHA

Para se chegar ao total de 50 A PALAVRA coletou inicialmente as indicações feitas pelo “jurados”, que individualmente apontaram até vinte pessoas. Recepcionados os nomes, com suas devidas justificativas e observações, equipe do jornal agrupou os votos excluindo da lista aqueles que figuraram em apenas uma delas. Com isso, nomes eventualmente colocados como preferência pessoal ou familiar, mas não contemplados em outras indicações, obrigatoriamente ficaram de fora do rol.

Os nomes estão postos como as personalidades são identificadas pelo público. Por exemplo: Shaolin não figura como Francisco Jozenilton Veloso, Joseph Noujaim aparece como Cônsul Joseph Noujaim, Marinês não é citada como Inês Caetano de Oliveira...

 

 

Em ORDEM ALFABÉTICA, segue a lista:

01 – Argemiro de Figueiredo

02 – Anézio Leão

03 – Assis Chateaubriand

04 – Agostinho Veloso da Silveira

05 – Affonso Campos

06 – Átila Almeida

07 – Austro de França Costa

08 – Bezerra de Carvalho

09 – Consul Joseph Noujaim Habib

10 – Cristino Pimentel

11 – Cristiano Lauritzen                                         

12 – Carolina Zilly

13 – Dalton Gadelha

14 - Edvaldo do Ó

15 – Eneida Agra Maracajá

16 – Epitácio Soares

17 – Elpídio de Almeida

18 – Evaldo Cruz

19 – Elisabeth Marinheiro

20 – Félix Araújo

21 – Fernando Silveira

22 – Hilton Motta

23 – Hortênsio Ribeiro

24 – Itan Pereira

25 – Irmã Aldete

26 – Ivan Gomes

27 – Irineu Jofilly

28 - José Carlos da Silva Júnior

29 – Josusmá Coelho Viana

30 – Juracy Palhano

31 – José Pedrosa

32 – João Rique

33 – Lynaldo Cavalcante

34 – Lopes de Andrade

35 – Lourdes Ramalho

36 – Marinês (Inês Caetano de Oliveira)

37 – Manoel Monteiro

38 - Paulo Montenegro Pires

39 – Raymundo Asfóra

40 – Ronaldo Cunha Lima

41 – Rosil Cavalcante

42 – Severino Bezerra Cabral

43 – Severino Loureiro

44 – Stênio Lopes

45 – Shaolin (Francisco Jozenilton Veloso)

46 – Teodósio de Oliveira Ledo

47 – Vital do Rego

48 – Wergniaud Wanderley

49 – William de Souza Arruda

50 – William Tejo

Fonte: Da Redação




Comentários realizados

  • 05/11/2017 às 19:14

    Etevaldo Goncalves

    Entendemos as dificuldades da escolha em função do limite de 50, pois sabemos todos que outros tantos tiveram participação especiais de trabalho e dedicação pelo crescimento dessa nossa Campina. No entanto, a inclusão de Dr . Stenio Lopes, Linaldo Cavalcante e Edvaldo do Ó concede uma legitimidade ao aos critérios utilizados nas escolhas destes e dos demais figuras. Parabéns e que a divulgação do resumo da vida e participação expressiva de cada personalidade seja auspiciosa. Congratulações de Etevaldo Gonçalves

    Resposta do Editor:

    Obrigado.

  • 05/11/2017 às 17:52

    José Gotardo Emerenciano

    Lista Merecida. Acrescentaria: No Esporte, Aderson Eloy de Almeida, Maior Centro Avante do Treze e da Paraíba, Graziela Emerenciano, Cronista Social, Jessier Quirino, Humorista, Francisco Pinto, grande Oftalmologista do Brasil.

  • 05/11/2017 às 17:13

    José Gotardo Emerenciano

    Graziela Emerenciano como Cronista Social e Jessier Quirino.

  • 05/11/2017 às 17:06

    José Gotardo Emerenciano

    Parabéns pela escolha. Sou Engenheiro Civil estudei na Escola Politécnica de 1967 e 1968. Sou de Natal-RN. Os Professores Austro, Átila e Lynaldo são merecedores. Acho que faltou o Dr. Francisco Pinto, um dos melhores Oftalmologista do Brasil. Sou fã de Campina Grande. Faltou o Glamour de Gladys Emerenciano que abrilhantou a Cidade. Todos os anos vou a Campina Grande. Sou pai do Comediante Mução. O centro avante do Treze, Aderson Eloy de Almeida. Meu pai foi um dos Fundadores da Faculdade de Direito da UFRN, Professor De. José Ildefonso Emerenciano. Obrigado.

  • 04/11/2017 às 10:10

    Maria angela de castro barreto

    So fiquei triste por nao ver incluso o nome de meu pai Jose de Castro Barreto que foi um dos fundadores do Treze Futebol Clube e um dod primeiros comerciantes de couro da cidade de Campina Grande no famoso Beco dos Bebados. Existe uma rua no Bairro de Bodocongo em homenagem a ele. Acho que ele mereciA compor esta lista.

  • 04/11/2017 às 10:06

    Luiz Braz

    Excelente

  • 04/11/2017 às 09:18

    Elizabeth Figueiredo A. Marimheiro

    Parabéns! Parabéns! Tive a maior alegria de saber dessa importante Pesquisa. Não por presença do meu nome, e, sim pelo culto á Memória Pesquisadora da Memória, desenvolvo o Projeto MEMÓRIA DE CAMPINA GRANDE sem patrocínios, enfrentando "obstáculos", mas já com duas revistinhas editadas, Graças a Deus. Do meu pós- doutorado em Letras hidratei o capítulo O MEMORIALISMO NA LITERATURA. Gostaria de conhecer, pessoalmente, os autores de Tão elevada iniciativa. PARABÉNS!

    Resposta do Editor:

    A inclusão do nome da honrada mestra é justíssima. Parabéns.

  • 04/11/2017 às 08:17

    Lizanka Marinheiro

    Recebemos com honra e alegria essa homenagem mais que justa à nossa querida mãe e avó Elizabeth Marinheiro, que assim como os demais, fizeram e fazem muito, em todos os seus saberes e áreas, para o desenvolvimento global de Campina Grande, do Nordeste e do Brasil! Justa e merecida homenagem. Parabéns pela iniciativa do grupo. Lizanka, Tulenka e Maria Eduarda.

  • 02/11/2017 às 15:18

    Aline da Mota Rocha

    Trabalho muito válido mas não posso deixar de registrar a ausência da Prof Margarida da Mota Rocha pelo muito que fez pela educação de Campina Grande à frente da Secretaria Municipal de Educação, Professora na UFPb , Furne, Colégio Estadual da Prata e Conselho Estadual de Educação e aos 88 anos de vida desenvolve trabalho incansável na APAE- CG

    Resposta do Editor:

    A professora Margarida é brilhante e realmente uma das notáveis do progresso campinense.

  • 02/11/2017 às 15:10

    Paulo Cavalcanti

    Acho que Cassio nos dias atuais deu uma contribuição muito importante para o desenvolvimento da nossa cidade.

    Resposta do Editor:

    Sem dúvidas.

  • 02/11/2017 às 14:52

    Carlos alberto clemente

    Ideia genial parabéns a todos ...

  • 02/11/2017 às 14:50

    JOSE LOPES DE ANDRADE FILHO

    Acho justa a inclusão de Lopes de Andrade junto agrandes personalidades que de uma forma ou de outra tornaram nossa Campina Grande a cidade pujante que ela é e preparada para o futuro.

  • 02/11/2017 às 12:21

    Marcos Aurélio de Miranda leite

    Como filho desta cidade querida, parabenizo a todos através da Palavra pela brilhante iniciativa.

  • 02/11/2017 às 10:30

    Linda Pedrosa, Brasília-DF.

    Recebemos com honra a inserção do nome de nosso pai, o livreiro José Pedrosa, nessa seleta lista de campinenses nativos e de coração !

    Resposta do Editor:

    Justissima escolha. Mande-me fotos e material sobre ele para a gente publicar e incluir no livro. E mail do editor: josemmarinho@hotmail.com.

  • 31/10/2017 às 18:33

    LEOPOLDO JOSÉ dos SANTOS

    "PARABÉSHOW" CAMPINA! ORGULHO dos CAMPINAGRANDENSES! AGUARDO agora, "A PALAVRA ONLINE" com a PLAYLIST dos "CAMPINA 50+50"! A TOP LIST do FUTURO: a LISTA CAMPINA 100+!!!

  • 31/10/2017 às 18:28

    Oscar morais

    Parabéns! Mas gostaria de te visto o nome de meu pai nesse rol, afinal de contas seu Mozart Alfaiate foi um dos maiores alfaiates desta cidade e costurava para grande maioria dessas celebridades elencadas, contribuindo com a alta costura da época, que o diga a nobre presidente Ida Steinmuller que o conheceu de perto. Mas fico feliz pelo trabalho do instituto, parabéns.

  • 31/10/2017 às 17:49

    José LEVINO Barbosa

    Parabéns à PALAVRA, pela iniciativa. Parabéns à Comissão pela escolha. Nomes importantes para Campina e sua História, sem diminuir a importância de tantos outros que completariam uma lista que abrigasse outros cinzentas nomes. Registro minha homenagem pessoal aos nomes de Wlliam Tejo e Jesusmá Viana, com os quais, também tive a oportunidade de prestar minha modesta contribuição ao crescimento de Campinas, no Diário da Borborema e no Jornal da Paribas.

  • 31/10/2017 às 15:29

    Luciano

    Seria bastante válido uma pequena descrição de cada um dos 50 nomes, afinal a maioria são desconhecidos dos mais jovens.

    Resposta do Editor:

    Teremos essas descrições nesses dois meses seguintes, conforme está dito na matéria.

  • 31/10/2017 às 14:59

    PORTAL DO INVESTIDOR IMOBILIÁRIO

    Ha este João Rique Ferreira eu sei quem é, que é aquele que desapareceu da região de Campina Grande, junto com a sua família, deixando ivandro cunha lima, pastorando os troços.

  • 31/10/2017 às 12:35

    Raul Tejo

    Não tem como esta lista não incluir o nome de Cássio Cunha Lima. Independente de posição político partidária, gostando dele ou não. Deixo essa humilde opinião.

    Resposta do Editor:

    O nome dele foi indicado, mas não em número suficiente para figurar na lista.

  • 31/10/2017 às 11:51

    José Marcos de Lima.

    Embora sendo Cabaceirense, vivo nesta bela cidade, desde os anos 60. Portanto sou filho natural de Cabaceiras, mas me adotei como filho de Campina Grande. Cidade que me deu tudo; meus estudos, fui contabilista por vários anos. Conclui o técnico de contabilidade no Colégio Alfredo Dantas. Estudei na Universidade Estadual da Paraíba, cursando o curso de geografia.(incompleto). Casei com uma jovem senhora de Campina Grande, tenho três filhos, sete netos e um bisneto; todos Campinenses. Cabaceiras e Campina Grande; as duas são coisas lindas. Amo Cabaceiras mas amo igualmente Campina Grande. Obrigado Campina Grande, por tudo.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias

Vídeos Destaques

Mais Lidas