Polícia Federal prende vereador mais votado de Campina em nova fase da Operação Famintos

26/08/2019

Vereador mais votado em Campina Grande nas últimas eleições, acaba de ser preso pela Polícia Federal Rennan Maracajá (PRB), em mais uma fase da ‘Operação Famintos’, que apura supostos desvios de recursos na merenda escolar no Município e que botou nas grades inclusive uma secretária municipal – a da Educação, Iolanda Barbosa.

Desde o início das investigações o parlamentar esteve apontado como um dos principais integrantes da organização criminosa que tirava comida da boca das crianças matriculadas nas creches do município e desviava milhões para um esquema que pode levar a prisão de outros figurões do executivo campinense.

A operação que prendeu o vereador contou com a participação de 60 (sessenta) Policiais Federais, sendo realizado o cumprimento de 14 (catorze) mandados de busca e apreensão em residências, escritórios e empresas dos investigados, bem como de 08 (oito) mandados de prisão, sendo 05 (cinco) mandados de prisão temporária e 03 (três) mandados de prisão preventiva.

Todos os mandados foram cumpridos em Campina Grande. As ordens foram expedidas pela Justiça Federal de Campina Grande.

A operação investiga crimes de fraudes em licitação, superfaturamento de contratos, corrupção e organização criminosa. A pena, somada, poderá ultrapassar 20 (vinte) anos de reclusão.

Em  nota que mandou para a imprensa no dia em que a operação teve início, Rennan se declarou inocente.

Veja o que ele disse na época:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O vereador Renan Maracajá (PSDC) vem esclarecer que em relação à Operação Famintos da Policia Federal, na qual foi citado, já prestou depoimento às autoridades policiais e aguarda o desenrolar das investigações. Ele nega qualquer envolvimento e relação com os acusados, bem como se coloca à disposição da justiça para colaborar com as investigações, acreditando na justiça e que a verdade dos fatos virá à tona. Renan Maracajá prestou esclarecimentos na sede da Polícia Federal em Campina Grande, nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira, 25. Por fim, ele agradece as manifestações de confiança na probidade do seu nome e ressalta a postura ética que baliza o seu mandato popular.

Sigamos em frente,

Renan Maracajá”.

Fonte: Da Redação




Comentários realizados

  • 23/08/2019 às 08:27

    Ednaldo

    Todo ladrão tem como defesa natural confundir a opinião pública alegando inocência, e que está sendo injustiçado.

  • 22/08/2019 às 11:47

    Airton

    Quero ver chegar a saúde,

  • 22/08/2019 às 11:40

    Jose sales Ramos

    Este é o Brasil que conhecemos, a coisa estar feia, se a justiça apurasse ao pé da letra escaparia bem poucos. É bastante lamentável, por essas e outra razoes, não mais desejo fazer parte desta coisa.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias