Presidente da CDL critica mudanças no trânsito da Manoel Tavares e as classifica de “deletérias”

23/11/2017

As mudanças no trânsito na avenida Manoel Tavares, executadas pela Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP), desagradaram a população de forma unânime e estão sendo repudiadas por populares e entidades representativas em geral da sociedade, que entoam um coro uníssono: “Queremos nossa Manoel Tavares de volta!”.

Um dos mais veementes protestos foi feito pelo presidente Arthur (Bolinha) Almeida, da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campina Grande (CDL-CG), entidade que congrega cerca de 1.100 empresas associadas.

Bolinha classifica de “deletérias” pelo menos duas das mudanças: a retirada dos recuos existentes no canteiro central, que permitia aos veículos manobrarem para o outro lado da avenida ou do bairro, sem atravancar o trânsito dos carros que vinham atrás, e a instalação de diversos semáforos na avenida, medida que classifica de “mais desafortunada”.

O DESABAFO

Veja na íntegra o desabafo de Arthur Bolinha:

“Campina Grande é, sem dúvida, uma cidade singularíssima, especialmente se comparada a outras cidades do interior do Nordeste.

É certamente louvável as modificações realizadas no trânsito das cidades de médio e grande porte que tenham por objetivo melhorar a fluidez do tráfego e preservar a segurança de transeuntes e motoristas.

É fato raro nos depararmos com mudanças no trânsito que causam desordem, engarrafamentos e aumento de stress. O nosso trânsito já é tão castigado pela precariedade das vias, engarrafamentos em horários de pico, discussões, barbeiragens, que são, de fato, bem-vindas as mudanças que a Administração possa realizar para melhorar o ambiente de circulação de pessoas e veículos, sem esquecer, evidentemente, o papel fundamental que cada um de nós, motoristas, temos para promover esse ambiente de convívio público a fim de que ele seja caracterizado pelo respeito, cuidado, paciência e solidariedade.

A par dessas premissas, senti-me compelido, na qualidade de cidadão e usuário constante daquela via pública, de apresentar meu VEEMENTE PROTESTO CONTRA AS RECENTES MUDANÇAS REALIZADAS NA AVENIDA MANOEL TAVARES. É simplesmente inacreditável como conseguiram piorar tanto o trânsito de uma avenida que sempre foi caracterizada pela fluidez do tráfego, mesmo nos horários de pico.

Duas mudanças foram deletérias para piorar o trânsito. A primeira foi a retirada dos recuos existentes no canteiro central que permitia aos veículos manobrarem para o outro lado da avenida ou do bairro, sem atravancar o trânsito dos carros que vinham atrás. Ou seja, quando algum motorista tentava ir de um lado ao outro do bairro ou mesmo fazer o “retorno”, não atrapalhava o fluxo de carros que eventualmente o seguisse.

Com a retirada dos recuos, o trânsito deu o primeiro sinal de piora.

Em seguida, instalaram alguns semáforos na avenida. Essa foi uma medida ainda mais desafortunada. Raramente se via alguma fila de carros parados na Manoel Tavares. Raramente! Eu trafego ali todos os dias e somente episodicamente vi tanto carro parado na referida avenida. Apenas quando acontecia algum acidente (que também eram raríssimos).

A retirada dos recuos e a implantação dos semáforos constituem uma associação de fatores terrivelmente infeliz para acabar com o bom e leve trânsito que antigamente caracterizava a avenida e, por tudo isso, sugiro, humildemente, que sejam repensadas as mudanças realizadas, especialmente visando a diminuição do stress e o aumento da paz no trânsito.

Por fim, esclareço que este sentimento tem sido compartilhado por vários amigos que também utilizam a avenida. O coro é uníssono: "Queremos nossa Manoel Tavares de volta!".

Fonte: Da Redação




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias