PRETO NO BRANCO - PSB nacional só aceita renúncia de João e Veneziano na comissão provisória da PB se eles formalizarem o pedido

13/09/2019
Carlos Siqueira não aceita conversa fiada e só aceita renúncia de João e Veneziano se for no papel
Carlos Siqueira não aceita conversa fiada e só aceita renúncia de João e Veneziano se for no papel

A executiva nacional do PSB não aceita o NÃO informal do senador Veneziano ao declinar de compor a comissão provisória da legenda na Paraíba, para a qual seu nome foi aclamado por unanimidade.

Hoje o presidente Carlos Siqueira mandou duro recado não apenas para Veneziano, mas também para o governador João Azevedo, que igualmente declinou de compor a executiva provisória paraibana.

- “Caso alguém não queira formar parte da comissão precisa formalizar a sua renúncia à Direção Nacional, já que foram nomeados para integrar o colegiado. Quando – e se – o fizerem, o partido definirá as providências a serem tomadas”, avisou Carlos Siqueira.

Sete membros foram escalados para comissão; quatro deles recursaram os cargos. Além de João e Veneziano, também recusaram o posto o ex-presidente da sigla na Paraíba, Edvaldo Rosas, e a secretária de Mulheres, Valquíria Alencar.

Diante do impasse, Ricardo Coutinho segue sendo presidente da comissão provisória, aguardando a nomeação dos demais companheiros.

Fonte: Da Redação




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias